Na Runner’s World

Lá em 2011, quando começava a correr as minhas primeiras provas, comprava essa revista para entender onde realmente estava querendo chegar e me inspirar com o mundo de histórias contidas em suas páginas. Hoje, 7 anos depois, me vejo justamente como uma dessas histórias. Dá um certo orgulho 🙂

Dia dos pais

Como muitos pais, todos os meus esforços na criação das minhas filhas são concentrados em dar a elas as ferramentas que julgo mais importantes para que elas construam as suas próprias vidas. Não são tantas ferramentas assim, sendo bem sincero - mas todas são absolutamente polivalentes. Não acredito, por exemplo, que seja possível compreender bem... Continue lendo →

Um saco

Ela pode ser boa pra aliviar a secura. Para acabar com as asmas que sufocam São Paulo. Para encher os reservatórios. Para fazer os olhos pararem de coçar. Para limpar um pouco a poluição. Para fazer desaparecerem os acessos de tosse da minha mulher. Para trazer aquela brisa úmida levemente fria que costuma soletrar alívio... Continue lendo →

A história de Tim Don

Em 2017 ele destroçou o recorde mundial do Ironman aqui no Brasil. Em 2018, poucos dias antes de largar em Kona, a Meca desse esporte, ele foi atropelado por um caminhão e quebrou uma das vértebras. Como tratamento, ele optou pelo único que poderia curá-lo por completo - mas que também seria o mais doloroso:... Continue lendo →

Documentário Unogwaja 2018

Se alguém está pensando em se candidatar para o Unogwaja 2018, mas ainda não decidiu de verdade... bom, vale a pena ver esse documentário sobre a nossa jornada inesquecível deste ano:

Nadando no círculos esquisitos

Na minha cabeça, estava nadando em círculos perfeitos no mar da Praia do Forte, feliz da vida com a minha adaptação a esse modelo "triathlon" de treinos para minhas próximas ultras. Nitidamente tenho ainda muito a aprender.

Se a MIUT não existisse…

100 milhas pelas trilhas incas com direito a paisagens incríveis, estradas históricas e passadas por lugares como Ollantaytambo e por um trecho sensacional do Vale Sagrado... Pena que é (mais ou menos) na mesma data do MIUT!        

Blog no WordPress.com.

Acima ↑