Hoje foi dia da Two Oceans, a mais bela corrida do mundo

Hoje, em algum momento da madrugada aqui no Brasil, foi dada a largada para a Two Oceans – ultramaratona de 56K na Cidade do Cabo, África do Sul, que se autodenomina a mais bela do mundo.

Fiz a Two Oceans no ano passado e assino embaixo. Nem a Maratona do Rio, que tem uma das paisagens mais deslumbrantes do planeta, chega perto das cenas vistas pelo percurso africano.

Já na largada, no subúrbio ainda escuro de Newlands, as casas em estilo inglês contrastam com a multidão de corredores. A partir daí é só alegria: a costa do Índico com pequenas vilas incríveis, a estonteante Chapman’s Peak, montanha parte do percurso que deixa um presente inesquecível para os olhos ao desacortinar o Atlântico, a floresta de Constantia, maior e mais difícil subida que começa depois do marco da maratona, até a chegada na invejável University of Cape Town.

Quando corri, ganhei de brinde ainda um dia lindo, mas cortado por ventanias de até 50km/h que derrubaram alguns corredores. Nada que não servisse para apimentar ainda mais a corrida.

E, claro, não se deve deixar de considerar o local: a Cidade do Cabo é, na minha opinião, uma das (senão “a”) mais belas cidades do planeta. Poucos lugares contam com uma mescla de paisagens estonteantes, estrutura absolutamente confortável, segurança (apesar das tantas críticas infundadas que ouvi de lá nesse aspecto) e diversidade. Com um carro e pouca gasolina, consegue-se, em um dia, passar por praias maravilhosas, mirantes ímpares, vinículas, colônias de pingüins e, de quebra, dar um “oi” para babuínos que volta e meia dão as caras nas ruas mais isoladas.

Quando saí para o longão de hoje, passei cada passo tentando refazer a prova na minha mente.

Lá, eles usam a Two Oceans como uma espécie de treino para a Comrades – e muitos brasileiros certamente fizeram isso. Mas chamar uma prova dessa como treino chega a ofender os deuses da corrida, pois ela tem status próprio de perfeição.

Se estiver planejando o calendário de provas dos próximos anos, não deixe de incluir a Two Oceans. Uma coisa posso garantir: valerá cada metro dos seus 56 difíceis (mas recompensadores) quilômetros.

Abaixo, algumas imagens que peguei na Web hoje feita por corredores depois da prova:

20140419-105420.jpg

20140419-105444.jpg

20140419-105457.jpg

Um comentário em “Hoje foi dia da Two Oceans, a mais bela corrida do mundo

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: