Checkpoint 2: Rumo ao ritmo!

Considerando que a semana passada foi praticamente um descanso, com pouco mais de 30K rodados, essa representou a volta ao ritmo. E, com a Maratona de SP em foco, fiz algumas mudanças importantes em relação aos treinos para trilhas:

  1. Férias para a mochila de hidratação: Estou privilegiando correr mais leve e simulando mais as condições de prova. Correr com mochila é essencial para treinos focando montanhas, o que não será o caso (ao menos nesse curto prazo)
  2. Intensidade plena: Tiros, tempo runs, intervalados. Exceto por hoje, domingo, toda a semana foi marcada por treinos de intensidade. Afinal, minha meta será um sub-4 na maratona – algo que não será tão simples quanto deveria se considerar que terei apenas um mês de descanso de uma ultra nas pernas.
  3. Tempo na rua: Maratona não é ultra, o que significa que não há a necessidade de passar 8, 9, 10 horas nas ruas toda semana. Ainda não recebi as minhas planilhas para outubro, mas duvido que incluam tanto tempo na rua quanto me habituei nos últimos meses. Será bom para privilegiar a velocidade.
  4. Peso: Em treinos de ultra, acabei relaxando com a alimentação. Comia praticamente qualquer coisa que queria – destacando chocolate, meu maior vício de todos. Afinal, isso não era problema nenhum dado que as calorias evaporavam facilmente com as horas de treino. Bom… reduzindo horas de treino, reduz-se também a queima calórica – o que traz a necessidade de cuidar um pouco melhor da dieta. Essa tem sido a parte mais difícil, mas chego lá. Quero largar leve no dia 19!

Essa semana inteira, portanto, foi sobre me adaptar a esses quatro pontos e a encaixar o início de um “pseudo-mesociclo” importante na jornada até Comrades. E, até agora, os resultados estão sendo satisfatório: já são dois sábados que consigo encaixar, em treino, meias em menos de duas horas. E mais importante: os últimos 7 dias incluíram um volume praticamente dobrado em relação aos anteriores, mas com pace médio mantido na casa dos 5min50/km (incluindo paradas em semáforos e treinos leves no cálculo) e as condições musculares gerais bem positivas.

Agora é acompanhar as próximas semanas! Gráficos abaixo:

Screen Shot 2014-09-28 at 11.27.21 AM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: