Checkpoint 3: Empolgação

Dentre tudo o que aconteceu esta semana, uma palavra saltou das planilhas: empolgação.

Não com a Comrades, lá no meio do ano que vem, mas com a Maratona de SP. O percurso é esquisito e cheio de cotovelos, a organização é tenebrosa e não existe o bônus de viajar para outra cidade, bebendo novos ares.

No entanto, só o fato de ter uma meta – algo que eu amo – e de estar seguindo uma rotina de treino tão diferente da que estava habituado já faz a endorfina durar por muito mais que um punhado de horas.

Esquisito? Pode até ser. Mas muito, muito bom.

Enquanto isso, a intensidade nos treinos tem feito minha velocidade média subir de forma absolutamente natural.

Daqui a pouco já começo a brincar de fazer novas contas e estipular novas metas para Sampa…

Screen Shot 2014-10-05 at 1.34.03 PM

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s