E o livro, a quantas anda?

Sua primeira versão, pelo menos, está devidamente terminada.

Neste momento, a editora está fazendo a leitura crítica para, em seguida, apontar os trechos que precisarão ser revistos, repensados, reescritos. Tudo normal.

A primeira parte da missão, no entanto, está pronta.

Quanto terminei, uma frase do Kilian Jornet, maior mito das ultras e montanhas, me veio à mente. Ei-la:

“A vida não existe para ser preservada, protegida: ela existe apenas para ser explorada, para ser vivida até o limite.”

Este livro está em pre-venda e toda a arrecadação será doada para o projeto Unogwaja. Saiba mais e compre clicando aqui ou na imagem abaixo:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: