Os intermináveis longões de bike como treino mental

Longões são longões: passamos horas a fio nas ruas ou trilhas simplesmente nos movendo.

Correndo, já fiz alguns longos de até 60km como treino, dependendo sempre da prova-alvo. É uma distância grande, claro – mas administrável. Dá, por exemplo, para traçar uma rota circular que saia da minha casa (perto do Allianz Parque), cruze até o Parque Cidade Jardim, depois corte o Butantã, entre no Parque Alfredo Volpi, cruze até o Parque Burle Marx, no Morumbi – com direito a pequenas trilhas deliciosas – e depois volte pelo outro lado do Rio Pinheiros, cortando o centro de SP. É um belo passeio – um passeio que permite se beber paisagens diferentes e se ter, sempre, uma “mini-meta” diferente como mira.

Já na bike… a coisa muda de figura.

E muda por dois motivos: as distâncias precisam ser maiores e os percursos, por sua vez, precisam ser mais livres de trânsito, mais controlados, para garantir uma mescla de fluidez com segurança. O resultado?

Normalmente, trajetos feitos de diversas idas e voltas no mesmo local.

Nessa semana, por exemplo, tenho 150km para rodar. O local? O Riacho Grande e seus parcos 16km de extensão considerando ida e volta.

Para 150km, portanto, estamos falando de pouco mais de nove idas e voltas.

No mesmo lugar.

Vendo a mesma paisagem.

Fazendo as mesmas curvas.

Subindo as mesmas subidas.

Descendo as mesmas descidas.

De novo. De novo. E de novo.

Nove vezes.

Apenas pedalando em silêncio, captando os mesmos sons dos arredores e sentindo o mesmo vento contra o rosto.

A parte física, naturalmente, cansa – são mais de 5 horas pedalando, afinal. Mas é um tipo de cansaço no mínimo bem menos desgastante que o mental.

2 comentários em “Os intermináveis longões de bike como treino mental

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: