Olhando para os lados

Minhas próximas metas já foram definidas: BR135 em janeiro, MIUT em abril, Comrades em junho. De quebra, me inscrevi ontem nos 75km da Bertioga-Maresias em outubro desse ano. E sim, ainda tem alguma maratona qualquer, daqui até abril, qune será meu qualify na Comrades.

Mas, ainda assim, exceto talvez pela MIUT, ainda sinto falta de algo.

Não que essa lista seja pouca – não é. Por si só ela já inclui 217km em estrada de terra, 115km em trilhas, 75 em praia e 90 na Meca dos corredores de longa distância. Em tese, tem tudo: diferentes terrenos, diferentes visuais, diferentes desafios.

Mas, mesmo considerando tudo isso, ainda falta algo de “diferente”, algo mais fora da minha zona de conforto que, afinal, é praticamente pavimentada por ultramaratonas.

O que?

Não sei ao certo ainda… mas, apesar de não planejar mexer mais em nada do meu calendário para os próximos meses, talvez esteja na hora de olhar para os lados e ver que outras aventuras se apresentam por aí por esse mundo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: