Reencontrar o ritmo

A parte mais difícil de voltar aos treinos depois de terminar alguma prova grande qualquer, daquelas que demandam meses e meses de preparação, é justamente reencontrar o ritmo.

O corpo, cansado de ficar cansado, lança seu peso sobre as pálpebras, as coxas e as origens ocultas da energia. As planilhas, ainda tímidas, parecem não entender o momento e a ansiedade de chegar logo no pico de algum outro treino qualquer. Tudo parece se desencontrar.

Tudo menos as dores que cismam em aparecer por tão pouco, meio que reclamando da insistência e clamando por mais algum descanso.

Mas… corredores que somos, já nos habituamos também a lidar com esses períodos e já sabemos que o único remédio é forçar um pouco a recuperação e seguir correndo, um dia após o outro, até chegarmos naquele lugar que gostamos.

Então, corramos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: