Se a MIUT não existisse…

100 milhas pelas trilhas incas com direito a paisagens incríveis, estradas históricas e passadas por lugares como Ollantaytambo e por um trecho sensacional do Vale Sagrado... Pena que é (mais ou menos) na mesma data do MIUT!        

Esforço vão

Peguei esse gráfico do Facebook de um dos maiores estudiosos de esporte e nutrição que conheço, o Danilo Balu. Ele mostra, acima de qualquer dúvida, um comportamento esquisitíssimo dos corredores: a busca por tempos inutilmente redondos. A prova em questão é a Western States, uma das mais cobiçadas ultras de 100 milhas do mundo. Perceba... Continue lendo →

Seja por onde for (desde que tenha muita endorfina)

Seja correndo, pedalando ou nadando, todo esporte de endurance é fabuloso. Não teve um único percurso que fiz na vida - Indomit Costa Esmeralda, Douro Ultra Trail, Comrades, BR135, Caminhos de Rosa, Unogwaja e tantos outros - que não tenha me marcado pelas vistas, sensações e percepções. Semana passada me deparei, por exemplo, com a... Continue lendo →

Na pele

Há capítulos em nossas vidas que, de tão intensos, precisam ser marcados na pele. Agora é virar a página e começar alguma nova história.

Reencontrar o ritmo

A parte mais difícil de voltar aos treinos depois de terminar alguma prova grande qualquer, daquelas que demandam meses e meses de preparação, é justamente reencontrar o ritmo. O corpo, cansado de ficar cansado, lança seu peso sobre as pálpebras, as coxas e as origens ocultas da energia. As planilhas, ainda tímidas, parecem não entender... Continue lendo →

Norseman

Não tenho nenhuma dúvida de que, depois desse próximo ciclo, um Ironman me aguarda. Faz parte do "olhar para os lados" que comentei no post de ontem e, claro, trata-se de uma "vontade" plantada em mim durante os treinos de bike para o Unogwaja. Mas, sem querer desmerecer um desafio que nunca fiz e que... Continue lendo →

Olhando para os lados

Minhas próximas metas já foram definidas: BR135 em janeiro, MIUT em abril, Comrades em junho. De quebra, me inscrevi ontem nos 75km da Bertioga-Maresias em outubro desse ano. E sim, ainda tem alguma maratona qualquer, daqui até abril, qune será meu qualify na Comrades. Mas, ainda assim, exceto talvez pela MIUT, ainda sinto falta de... Continue lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑