A preguiça maratonista

Quando treinava para qualquer ultra - Two Oceans, Comrades ou a DUT - tinha um regime de horário extremamente rígido: tempo na rua, afinal, era uma das ferramentas de treino mais importantes. Me habituei a levantar às 5:00, a sair com tudo ainda escuro, a ver o sol nascer do parque. Cheguei a um ponto... Continuar Lendo →

Hora de começar o dia

Assim que o iPhone cantou 7 horas da manhã - um pouco mais tarde que o usual, diga-se de passagem - voei para a rua. O dia estava um pouco mais fresco que ontem, mas com um céu azul digno de um verão que ainda não chegou. Clima seco, talvez um pouco demais, mas suavizado... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑