Isolamento pelo Corona, dias 1 e 2

Não, não estou com COVID-19 e nem nada do gênero. Mas, como basicamente todo ser vivo que habita esse nosso mundo moderno, estou também passando pelo processo de isolamento. E não, não acho nada disso exagerado e nem tenho nenhuma teoria da conspiração. Aliás, acredito sinceramente que qualquer um que realmente acredite que todas as... Continuar Lendo →

A época mais perfeita do ano

De repente, estamos em dezembro. Decorações de Natal pelas ruas, sol a pino no céu, parques cheios, clima de off-season na assessoria, férias e viagens se aproximando. Não há melhor momento no ano. Só falta o trabalho começar a desacelerar um pouco - o que acredito que ocorrerá nas próximas semanas - e pronto: terei... Continuar Lendo →

A endorfina que acalmou o ano

Não têm sido dias fáceis, simples. Há meses que o cotidiano no trabalho se turbinou de tal maneira, abrindo tantas novas possibilidades quanto demandas por sinapses neurais, que tenho dificuldades de me lembrar de um só dia em que não tenha desligado o computador com a sensação de ter sido atropelado por um furacão. Não... Continuar Lendo →

Maratona de Sorocaba 2019

Não é uma prova grande. Não é uma prova famosa. Não tem paisagens embasbacantes, não é plana como Dubai, não atrai o pico da elite mundial. Mas, mesmo assim, a Maratona de Sorocaba é uma das provas que eu mais curto participar. Distância por distância, claro, toda maratona é igual. Mas essa, mesmo com quase... Continuar Lendo →

Oi, mundo

Faz tempo, muito tempo que não escrevo por aqui. Foi culpa do ano que decidiu se condensar inteiro nesses últimos meses em forma de reuniões, viagens e projetos mil. Nada para se reclamar, claro. Aliás, nada a se reclamar mesmo: de que vale uma vida se não aproveitamos cada segundo para fazer algo que eventualmente... Continuar Lendo →

Ohana Kahi 127.5, 28 de setembro

Triathlon é um esporte com perfil diferente da ultramaratona. E não falo aqui do óbvio de se somar à corrida outros dois esportes, claro. Falo do espírito. Em geral, o triatleta é hipercompetitivo por natureza, como se o maior inimigo de sua vida fosse o relógio. Nada de anormal para um esporte em que a... Continuar Lendo →

Encaixado

Segundas, quartas e sextas pela manhã, natação; às noites, corrida que transforma o esporte em modal de transporte. Terças e quintas de madrugada, ciclismo com eventuais treinos de transição. Sábados, longos de 4 ou 5 horas no pedal ou simulados que incluam nadar, pedalar, correr. Pode parecer muita coisa - e de fato é, a... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑