Nutricionista clandestino

A partir de ontem, escalei um novo membro para esse time que está me levando à África: Danilo Balu, um dos profissionais de nutrição que acompanho a mais tempo e que confio imensamente. Precisava de um apoio maior para me manter aceso, energizado, empolgado durante esta reta final. E, se não faz sentido diminuir o... Continuar Lendo →

Em busca de mais energia

Até ontem, minha dieta parecia extremamente equilibrada com a intensidade do meu treino. Desde que comecei com a low-carb-high-fat, aliás, me preparar para e correr provas longas ficou significativamente mais fácil: o corpo aprendeu a consumir gordura como combustível e a necessidade de qualquer tipo de suplementação extra, tanto antes quanto durante atividades longas, sumiu.... Continuar Lendo →

Dois anos e oito meses de dieta low-carb

A cada seis meses, mais ou menos, faço toda uma bateria de exames de sangue para acompanhar indicadores extremamente relevantes para mim, que já passei por seis tumores no fígado. Desde março de 2015, no entanto, acompanho esses exames com um interesse diferente: foi quando decidi partir para uma dieta low-carb, high fat (ou, na... Continuar Lendo →

Comida, comida, comida

Fome. Logo que acordo, em dias de treino, ela não aparece exatamente com tanta força: já faz mais de um ano que me habituei a correr em jejum como forma de deixar o corpo mais eficiente. Verdade seja dita, realmente consigo passar longos períodos na rua sem sentir necessidade de combustível, chegando ao ponto em... Continuar Lendo →

Atualizando a nutrição: adeus, Whey

Em um post anterior, comentei sobre três regras importantes para a nutrição e recuperação muscular - algo especialmente importante quando se está treinando para a Comrades, uma ultra de 90km. Nele, deixei claro que ingeria Whey depois de treinos mais pesados, ampliando o consumo de proteína em uma janela de 20 minutos pós-treino para forçar... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑