Novos tipos de suor

Para quem curte esportes de endurance, onde há suor há felicidade. Isso é verdade para ultramaratona, é verdade para triathlon (principalmente os de distâncias mais longas), é verdade para travessias de ciclismo, para maratonas aquáticas etc. E quando novos esportes surgem, em grande parte pelo casamento de dois ou três em modalidades talvez esquisitas, sobra... Continuar Lendo →

Vale do fim de ano

Minha segunda passada já amanheceu denunciada pelo Whoop, que indicava uma recuperação corporal abaixo dos 30%. Não foi só pela maratona do domingo, claro: foi todo um conjunto da obra. O domingo, afinal, encerrou o ciclo de provas do ano - e o fez deliciosamente dentro da meta que eu buscava como qualify para a... Continuar Lendo →

A endorfina que acalmou o ano

Não têm sido dias fáceis, simples. Há meses que o cotidiano no trabalho se turbinou de tal maneira, abrindo tantas novas possibilidades quanto demandas por sinapses neurais, que tenho dificuldades de me lembrar de um só dia em que não tenha desligado o computador com a sensação de ter sido atropelado por um furacão. Não... Continuar Lendo →

A intimidade que provas garantem

Feliz com o Ohana Kahi, me vi em casa, inteiro e, essencialmente, sem nenhuma dor relevante. Aliás, para quem está habituado a ultras - por natureza mais extenuantes que triathlons - dá até uma certa culpa em terminar provas com condições plenas de caminhar sem parecer um zumbi nas suas últimas horas de pseudo-vida. Mas... Continuar Lendo →

Ohana Kahi 127.5: a prova perfeita

Como uma beleza apocalíptica e pura endorfina podem se fundir em uma única prova A garoa que durou a noite anterior inteira já deixava uma pista de como seria esse triathlon de distância peculiar (2.500m de natação, 105km de ciclismo e 25km de corrida) pelo litoral norte de São Paulo. Quando chegamos na praia do... Continuar Lendo →

Que comece a Spartathlon

A prova mais lendária da história está prestes a começar Atenas, 490AC Em um clima de pura angústia, a relativamente pequena Atenas tremia com a notícia da invasão do todo poderoso Império Persa. Como conseguiriam eles se defender da que já era considerada a força mais poderosa da história do humanidade? O que poderiam fazer... Continuar Lendo →

70.3 solo, parte 1: Natação

Olhei para os lados: ninguém. Para a frente: boias de marcação solitárias quebravam a paisagem lisa, silenciosa e belíssima da represa que parecia descansar sob o céu frio e azul das 7 da manhã. Ali, naquele instante, começaria o meu primeiro 70.3. Diferente do planejado, sem tiros de largada, sem a adrenalina da coletividade, sem... Continuar Lendo →

Está na hora da Comrades

Durban está logo ali na esquina do calendário. A ansiedade, por sua vez, já está devidamente acumulada, pulsando sangue pelas artérias e veias a cada treino.  Já me perguntaram inúmeras vezes por que eu ainda corro a Comrades. Esta será a minha quarta participação, afinal - o suficiente para conhecer cada centímetro do percurso e... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑