Do céu ao inferno

Sábado foi dia do meu primeiro simulado mais forte de triathlon, com 1.500m de natação, 50km de ciclismo e 10km de corrida pelas paisagens do Riacho Grande. E foi absolutamente perfeito. Nadei em um ritmo constante e mais forte que qualquer treino, mantive uma velocidade média superior ao meu normal na bike e corri tão... Continuar Lendo →

Pedal no toró

Quando liguei o GPS mara marcar o início do pedal, às 6:30 do sábado, ainda estava considerando desistir. O dia ainda estava amanhecendo, uma garoa fina alisava a lâmina de água já formada no asfalto do Riacho Grande e poucos, muito poucos ciclistas mostravam alguma disposição mínima para encarar o dilúvio que viria. Ainda assim,... Continuar Lendo →

Meu primeiro triathlon

"Você entende que isso não tem nada a ver com as provas para as quais está treinando, certo?", perguntou o meu treinador em uma segunda-feira, logo depois de eu pedir para participar de um simulado de triathlon no Riacho Grande, aqui em São Paulo. Respondi que sim, mas que queria testar e entender a modalidade.... Continuar Lendo →

Até eu estou surpreso, mas…

Por mais que não tenha sentindo nenhuma falta de acordar às 4:20 da manhã para chegar a tempo à USP... Por mais que não tenha sentindo nenhuma falta de passar toda manhã de todo sábado perdido por Romeiros ou pelo Riacho Grande... Por mais que não tenha sentindo nenhuma falta de gastar os tubos com... Continuar Lendo →

Sonambulando de cansaço

Shwush, shwush, shwush, shwush... Fui o primeiro a chegar no Riacho Grande no sábado, ainda antes das seis da manhã. Ou o segundo: enquanto me empuleirava na bike, um corredor já começava a ensaiar seu longão. Ignorei. Segui com o meu: 5 horas previstas para aquele dia em um vai-e-vem já cotidiano. Shwush, shwush, shwush...... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑